SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.31 número1Efeito da temperatura, molhamento foliar e chuva na produção de ascósporos de Guignardia citricarpa e severidade da pinta preta dos citros em laranja Natal e ValênciaEstudos epidemiológicos e controle químico de Phakopsora euvitis índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Fitopatologia Brasileira

versão impressa ISSN 0100-4158

Resumo

ARAUJO, Dejânia V. et al. Influência da temperatura e do tempo de inoculação das sementes de algodão na transmissibilidade de Colletotrichum gossypii var. cephalosporioides. Fitopatol. bras. [online]. 2006, vol.31, n.1, pp. 35-40. ISSN 0100-4158.  http://dx.doi.org/10.1590/S0100-41582006000100006.

A transmissibilidade de Colletotrichum gossypii var. cephalosporioides foi estudada em diferentes temperaturas utilizando sementes de algodoeiro (Gossypium hirsutum) inoculadas com diferentes tempos de exposição ao patógeno. O experimento consistiu de seis tratamentos, sendo três tempos de exposição (36, 72 e 108 h) das sementes, inoculadas e não inoculadas com o fungo, testados em temperaturas de 15, 20, 25 e 30 ± 2 °C. Os tratamentos provenientes de sementes não inoculadas com o fungo foram utilizados como testemunhas. Os tempos de inoculação apresentaram diferença na incidência e na porcentagem da semente coberta com propágulos do patógeno (PSCPP), sendo o maior valor observado no tempo de 108 h, com conseqüências na germinação e porcentagem de plantas sobreviventes. Os tempos de 36 e 72 h não apresentaram diferença entre si. Temperaturas mais baixas e a maior quantidade de inóculo nas sementes proporcionaram redução na germinação e porcentagem de plantas sobreviventes. A intensidade da doença não foi influenciada pelo tempo de exposição, no entanto, a temperatura foi fator determinante para a transmissibilidade do patógeno, sendo a incidência e a severidade maiores com o aumento desta. O condicionamento osmótico estimulou o desenvolvimento fúngico, sendo observadas maior incidência e severidade da doença no tempo de 108 h.

Palavras-chave : Gossypium hirsutum; restrição hídrica; sementes; transmissibilidade; ramulose.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · pdf em Português