SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.42 número1Biofertilizantes no controle da mancha bacteriana (Xanthomonas spp.) do tomateiroIdentificação de espécies de Fusicoccum causadoras de podridão em frutos de abacate índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Summa Phytopathologica

versão impressa ISSN 0100-5405

Resumo

CORREA, Paula Rachel Rabelo Corrêa; MACEDO, Luciano Medina; AUER, Celso Garcia  e  SANTOS, Álvaro Figueredo dos. Caracterização de isolados de Diplodia pinea da região Sul do Brasil por meio da compatibilidade micelial e de marcadores RAPD. Summa phytopathol. [online]. 2016, vol.42, n.1, pp.97-99. ISSN 0100-5405.  https://doi.org/10.1590/0100-5405/2053.

O objetivo do trabalho foi caracterizar quatro isolados de Diplodiapinea da região Sul do Brasil e estimar sua variabilidade genética, baseados na compatibilidade vegetativa e marcadores RAPD. Na compatibilidade vegetativa, os isolados foram pareados em placas de Petri com meio BDA e formaram linhas escuras quando incompatíveis e linhas claras cotonosas quando incompatíveis. Para a caracterização molecular dos isolados, a extração de DNA foi realizada em amostras obtidas de micélio cultivado em meio BDA dos isolados originais e os monospóricos derivados. O DNA das amostras foi avaliado em reação de polimerase em cadeia (PCR), utilizando onze sequências diferentes de primers RAPD inespecíficos. O agrupamento dos morfotipos foi realizado pelo método UPGMA e coeficiente de similaridade de Jaccard. Somente um marcador RAPD mostrou polimorfismo, indicando que os isolados apresentam pequena divergência genética, porém suficiente para indicar mais de morfotipo presente.

Palavras-chave : diversidade genética; morfotipo; Pinus; seca de ponteiro.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )