SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.30 issue1A novel bleaching technology adapted to partial bleach plant closureSubstrate from clay extraction area enriched with agroindustrial and urban byproducts for sesbânia seedlings cultivation author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Árvore

Print version ISSN 0100-6762On-line version ISSN 1806-9088

Abstract

OLIVEIRA, Fabiana Goia Rosa de; MILLER, Karla Peitl; CANDIAN, Marcela  and  SALES, Almir. Efeito do comprimento do corpo-de-prova na velocidade ultra-sônica em madeiras. Rev. Árvore [online]. 2006, vol.30, n.1, pp.141-145. ISSN 0100-6762.  https://doi.org/10.1590/S0100-67622006000100017.

O presente artigo apresenta um estudo sobre a variação da velocidade ultra-sônica longitudinal em função do comprimento da peça de madeira. As espécies utilizadas foram: pinus caribaea (Pinus caribaea var. caribaea) eucalipto citriodora (Eucalyptus citriodora), eucalipto grandis (Eucalyptus grandis) e jatobá (Hymenaea sp). Utilizou-se equipamento de ultra-som com transdutores exponenciais de 22 kHz. Foram feitas medições do tempo de propagação das ondas ultra-sônicas, com o comprimento variando de 300 cm a 10 cm e mantendo-se a seção transversal constante de 12 cm x 5 cm. Os resultados apontaram que ocorre variação da velocidade em função da distância percorrida e do comprimento de onda (l) utilizado. Conclui-se que adequar a freqüência do transdutor com o comprimento da peça é essencial para a determinação correta da velocidade ultra-sônica em madeiras.

Keywords : Madeira; ultra-som; comprimento de onda.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License