SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.36 issue2Forest ecomosaic: composition, information indices, abductionEvaluation of height measurement methods in natural forests author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Árvore

Print version ISSN 0100-6762

Abstract

VIANI, Ricardo Augusto Gorne; BRANCALION, Pedro Henrique Santin  and  RODRIGUES, Ricardo Ribeiro. Corte foliar e tempo de transplantio para o uso de plântulas do sub-bosque na restauração florestal. Rev. Árvore [online]. 2012, vol.36, n.2, pp. 331-339. ISSN 0100-6762.  http://dx.doi.org/10.1590/S0100-67622012000200014.

O uso de plântulas da regeneração natural tem sido recomendado como estratégia para produção de mudas visando à restauração florestal, contudo muitos aspectos técnicos desse método ainda carecem de investigação científica. O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito da redução da área foliar e do transplantio imediato na sobrevivência e crescimento de mudas de espécies arbóreas produzidas a partir de plântulas obtidas da regeneração natural. Plântulas de Esenbeckia leiocarpa (Rutaceae), Eugenia ligustrina (Myrtaceae) e Maytenus salicifolia (Celastraceae), obtidas em remanescente de vegetação secundária de Floresta Estacional Semidecidual em Bofete, SP, foram extraídas do solo e submetidas aos tratamentos: I) redução de 50% da área de cada folha e transplantio imediato; II) nenhuma redução de área das folhas e transplantio imediato; III) redução de 50% da área de cada folha, manutenção das plântulas em água e transplantio 24 h após a coleta; e IV) nenhuma redução de área das folhas, manutenção das plântulas em água e transplantio 24 h após a coleta. As mudas foram avaliadas com relação à sobrevivência e ao crescimento em altura, ao longo de oito meses. Os resultados evidenciaram que nem o corte das folhas ou a manutenção das plântulas dentro de recipientes com água por 24 h antes do transplantio afetaram os parâmetros avaliados. Assim, para as espécies estudadas a redução da área foliar e o transplantio imediato são desnecessários para a produção de mudas em viveiro a partir de plântulas obtidas da regeneração natural.

Keywords : Viveiros florestais; Produção de mudas e Fisiologia de plântulas.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese