SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.36 issue4Natural regeneration in abandoned fields following intensive agricultural land use in an Atlantic Forest Island, BrazilEffect of fire on the fruit production of Qualea parviflora Mart. (Vochysiaceae) in the cerrado author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Árvore

Print version ISSN 0100-6762

Abstract

MEDEIROS, Marcelo Brilhante de  and  WALTER, Bruno Machado Teles. Composição e estrutura de comunidades arbóreas de cerrado stricto sensu no norte do Tocantins e sul do Maranhão. Rev. Árvore [online]. 2012, vol.36, n.4, pp. 673-683. ISSN 0100-6762.  http://dx.doi.org/10.1590/S0100-67622012000400009.

Este trabalho teve por objetivo avaliar a composição e a estrutura da comunidade arbórea de cerrado stricto sensu (s.s.) no município de Filadélfia (norte do Tocantins) e compará-la com a mesma fitofisionomia em uma área adjacente na bacia do rio Tocantins, no município de Carolina (MA), na província norte-nordeste do Cerrado. Em Filadélfia foram alocadas aleatoriamente 10 parcelas de 20 × 50m, totalizando um ha. Todos os indivíduos lenhosos com diâmetro de caule > 5 cm, medidos a 30 cm do solo, foram incluídos. Os dados de composição e estrutura da vegetação em Carolina foram obtidos em literatura. Dois métodos de análise foram empregados: UPGMA, adotando-se o índice de Sørensen, e TWINSPAN, agrupando parcelas e espécies. Em Filadélfia foram encontrados 789 indivíduos, 53 espécies e 44 gêneros; H' foi igual a 3,32 nats. ind-1 e J'=0,83. Nove espécies (Qualea parviflora, Pouteria ramiflora, Curatella americana, Hirtella ciliata, Qualea grandiflora, Parkia platycephala, Diospyros sericea, Stryphnodendron sp. e Stryphnodendron rotundifolium) representaram 49,9% do VI total. Das 69 espécies encontradas nas duas áreas, 36 foram comuns. O índice de Sørensen mostrou baixa similaridade florística entre Carolina e Filadélfia. A análise por TWINSPAN também mostrou similaridade qualitativa e quantitativa reduzidas entre as áreas. Os resultados revelaram que as comunidades de cerrado s.s. são diferenciadas entre e dentre as áreas, com provável influência das diferenças de solo. Não obstante, a fitossociologia foi similar a de outros estudos na região e a composição é característica da província fitogeográfica norte/nordeste do bioma Cerrado, contendo elementos típicos como Hirtella ciliata, Platonia insignis e Caryocar coriaceum.

Keywords : Fitossociologia; Diversidade de espécies; Similaridade.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese