SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.42 issue1Use of the amniotic membrane to cover the peritoneal cavity in the reconstruction of the abdominal wall with polypropylene mesh in ratsImportance of bone assessment and prevention of osteoporotic fracture in patients with prostate cancer in the gonadotropic hormone analogues use author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista do Colégio Brasileiro de Cirurgiões

Print version ISSN 0100-6991On-line version ISSN 1809-4546

Abstract

MAGALHAES, Maria Angélica Baron et al. Fechamento de grandes feridas com fita elástica de borracha em coelhos. Rev. Col. Bras. Cir. [online]. 2015, vol.42, n.1, pp.56-61. ISSN 1809-4546.  https://doi.org/10.1590/0100-69912015001011.

OBJETIVOS:

verificar a eficácia da fita elástica de borracha no tratamento de grandes feridas de parede corpórea de coelhos por meio da tração de suas bordas.

MÉTODOS:

foram estudados 30 coelhos da raça Nova Zelândia, distribuídos em três grupos (n=10): Grupo 1. Cicatrização por segunda intenção. Grupo 2. Retirada e reposicionamento eutópico da pele como enxerto de pele total. Grupo 3. Aproximação das bordas da ferida com fita elástica de borracha. Em todos os animais, foi retirado segmento de pele e tecido subcutâneo até a fáscia musculoaponeurótica do dorso, de acordo com um molde de acrílico, com 12cm de comprimento por 8cm de largura. Todos os animais foram acompanhados durante 21 dias.

RESULTADOS:

dois animais dos grupos 1 e 2 apresentaram abscesso na ferida. No Grupo 2, houve perda parcial ou total do enxerto em 90% dos animais. O fechamento completo das feridas foi observado em quatro animais do Grupo 1, seis do Grupo 2 e oito do Grupo 3. Não houve diferença entre os valores de resistência cicatricial dos grupos 2 e 3, que foram maiores do que os do Grupo 1. As cicatrizes dos três grupos caracterizaram-se pela presença de tecido conjuntivo maduro entremeado por vasos sanguíneos e infiltrado inflamatório, predominantemente polimorfonuclear.

CONCLUSÃO:

a tração das bordas da ferida com fita elástica de borracha constitui método tão eficaz quanto o enxerto de pele para tratar grandes feridas de parede corpórea de coelhos.

Keywords : Abdominal Wound Closure Techniques; Surgical Wound Dehiscence; Wound Healing; Elastomers; Skin Transplantation; Connective Tissue; Técnicas de Fechamento de Ferimentos Abdominais; Deiscência da Ferida Operatória; Cicatrização de Feridas; Elastômeros; Enxertia de Pele; Tecido Conjuntivo.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · English ( pdf ) | Portuguese ( pdf )