SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.22 issue10Evaluation of Risk for Preterm Delivery by Fetal Fibronectin: Test and Measurement of Uterine CervixUse of Ciprofloxacin in Pregnant Rats: effects on Mother and Fetuses author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia

Print version ISSN 0100-7203On-line version ISSN 1806-9339

Abstract

PINTO, Gilberto Rodrigues  and  BOTELHO, Clovis. Influência do Tabagismo no Sistema Vascular Materno-fetal: estudo com Dopplervelocimetria. Rev. Bras. Ginecol. Obstet. [online]. 2000, vol.22, n.10, pp.641-646. ISSN 0100-7203.  http://dx.doi.org/10.1590/S0100-72032000001000007.

Objetivo: avaliar a influência do tabagismo materno na dinâmica vascular materno-fetal, por meio da dopplervelocimetria obstétrica das artérias uterinas, umbilical e cerebral média. Métodos: estudo prospectivo em 42 gestantes saudáveis, sendo 20 fumantes e 22 não-fumantes. Foram realizadas ultra-sonografias para determinar o tempo de gestação e exame de dopplervelocimetria pulsátil das artérias uterinas, umbilical e cerebral média nas 24a, 28a, 32a e 36a semana para avaliar o fluxo vascular materno-fetal. As fumantes foram orientadas a não fumar por pelo menos 2 horas antes do exame. Resultados: o índice de resistência (IR) médio das artérias uterinas D e E foi maior no grupo de fumantes na 36a semana com média de 0,50 e desvio padrão de 0,034. O índice de pulsatilidade (IP) da artéria umbilical foi maior no grupo de fumantes na 28a semana [x (DP) = 1,135 (0,182)], p = 0,008; o IP da artéria cerebral média (ACM) não se mostrou diferente entre os grupos, porém, a relação IP ACM/umbilical foi menor no grupo de fumantes, na 32a semana [x (DP) = 1,9 (0,291)], p = 0,027 e na 36a semana [x (DP) = 1,850 (0,465)], p = 0,014. Conclusões: os índices de dopplervelocimetria mostraram que no grupo de fumantes há aumento na resistência da circulação útero-placentária e feto-placentária, associado a concomitante diminuição na resistência da ACM, mimetizando uma tendência do tabagismo levar à hipóxia crônica do feto.

Keywords : Tabagismo; Dopplervelocimetria; Gravidez normal.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License