SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.26 número7Efeitos do raloxifeno sobre a concentração plasmática de homocisteína e o lipidograma em mulheres na pós-menopausa índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Revista Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia

versão impressa ISSN 0100-7203

Resumo

NOMURA, Marcelo Luís et al. Hemoglobinúria paroxística noturna e gravidez. Rev. Bras. Ginecol. Obstet. [online]. 2004, vol.26, n.7, pp. 579-582. ISSN 0100-7203.  http://dx.doi.org/10.1590/S0100-72032004000700011.

A hemoglobinúria paroxística noturna é doença rara, causada por mutação adquirida de um gene no sistema hematopoético com 16-18% dos casos diagnosticados durante a gravidez. Descrevemos dois casos de gestantes portadoras de hemoglobinúria paroxística noturna com diagnóstico anterior à gestação. A mortalidade materna é de 8-10%, devido principalmente a tromboembolismo e, em menor escala, transformação leucêmica. As perdas fetais chegam a 30% das gestações. Estes dois casos ilustram situação grave e extremamente complexa, que é a conduta obstétrica em mulheres portadoras de doença hematológica muito rara, grave e potencialmente fatal. Com uma abordagem multidisciplinar em serviços terciários é possível obter bons resultados maternos e perinatais.

Palavras-chave : Hemoglobinúria; Aplasia medular; Gestação [complicações].

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · pdf em Português