SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.27 issue2Oropharyngeal congenital teratoma: a case report author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia

Print version ISSN 0100-7203

Abstract

FIGUEIRO FILHO, Ernesto Antonio et al. Leishmaniose visceral e gestação: relato de caso. Rev. Bras. Ginecol. Obstet. [online]. 2005, vol.27, n.2, pp. 92-97. ISSN 0100-7203.  http://dx.doi.org/10.1590/S0100-72032005000200009.

Leishmaniose visceral (LV) é doença endêmica no Estado de Mato Grosso do Sul, Brasil, principalmente nas áreas próximas dos rios Paraguai e Paraná. Nos últimos anos vem aumentando o número de casos, especialmente na Capital, Campo Grande, com conseqüente surgimento de casos em gestantes e conseqüentemente havendo risco de transmissão vertical do parasita. No presente trabalho é relatado um caso de LV em gestante, acompanhada por nosso grupo e tratada com anfotericina B lipossomal, não tendo ocorrido a transmissão vertical do parasita. O presente relato demonstra opção terapêutica em casos de calazar durante a gestação, tendo em vista a contra-indicação relativa do uso do antimoniato, droga de primeira escolha para tratamento em pacientes não-gestantes.

Keywords : Leishmaniose visceral; Gestação; Infecção tropical; Transmissão vertical.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese