SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.34 issue10Study of ophthalmic artery hemodynamic pattern in pregnant women with gestational diabetes mellitus author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia

Print version ISSN 0100-7203

Abstract

VIEIRA, René Aloisio da Costa et al. Linfonodo sentinela intramamário comprometido e axila livre: esvaziamento axilar ou conduta conservadora?. Rev. Bras. Ginecol. Obstet. [online]. 2012, vol.34, n.10, pp. 478-482.  Epub May 15, 2012. ISSN 0100-7203.  http://dx.doi.org/10.1590/S0100-72032012005000001.

A pesquisa do linfonodo sentinela constitui tratamento padrão para pacientes portadoras de câncer de mama e axila clinicamente negativa. A presença do linfonodo sentinela (LS) extra-axilar e intramamário (IM) ocorre em até 2,6% dos casos, e na presença do LS IM metastático, a positividade axilar pode alcançar até 81%. Na associação do LS IM metastático ao LS axilar não metastático, não há conduta padronizada, visto um limitado número de casos descritos. Adicionamos dois casos à literatura, observando, em um deles, a presença de doença metastática axilar na linfadenectomia complementar. A utilização de nomograma demonstrou que o risco de doença metastática axilar era inferior a 10%, e a adição destes casos à literatura mostrou que, nesta situação, a taxa de doença metastática axilar é de 6,25%. Discutimos os prós e contras da linfadenectomia axilar complementar nesta situação.

Keywords : Neoplasias da mama [cirurgia]; Biopsia de linfonodo sentinela; Excisão de linfonodos [métodos]; Metástase linfática; Nomogramas; Relatos de casos.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese