SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.28 issue8Factors associated with the prevalence of Otodectes cynotis in an ambulatory population of dogsCanine Pemphigus foliaceus: a retrospective study of 43 clinical cases and therapy (2000-2005) author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Pesquisa Veterinária Brasileira

Print version ISSN 0100-736XOn-line version ISSN 1678-5150

Abstract

MILANI, Juliana F.; BARROS, Paulo S.M.; GUERRA, José L.  and  BROOKS, Dennis E.. Efeitos do uso tópico da Ciclosporina A (CsA) 0,2% na neovascularização corneal induzida pelo implante de membrana amniótica xenógena em microbolsa no estroma da córnea de ratos. Pesq. Vet. Bras. [online]. 2008, vol.28, n.8, pp.379-386. ISSN 0100-736X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0100-736X2008000800006.

Este estudo teve como objetivo a avaliação dos efeitos tópicos da Ciclosporina a 0,2% (CsA) sobre a neovascularização corneana de ratos após implante cirúrgico de membrana amniótica eqüina em microbolsa do estroma corneana. O implante da membrana foi feito bilateralmente em 90 ratos. O tratamento com CsA iniciou-se no mesmo dia da cirurgia, nos olhos direitos dos animais, duas vezes ao dia. Os olhos esquerdos não receberam nenhum tratamento e serviram de controle. A avaliação da neovascularização corneana foi feita por análise de imagem computadorizada e por exame histopatológico aos dias 1, 3, 7, 15, 30 e 60 de pós-cirúrgico. Para a análise de imagem foram utilizados 10 animais por período, e para o exame histopatológico, 5 por período. A análise de imagem demonstrou que a neovascularização iniciou-se no 3° dia pós-cirúrgico, alcançou seu pico no 7° dia e então regrediu rápida e progressivamente até o 60° dia. A análise estatística indicou que a neovascularização no 7º dia nos olhos tratados com CsA foi significantemente mais acentuada do que aquela observada nos olhos não tratados. Entretanto, no 30º dia este fato se reverteu, e a neovascularização observada nos olhos tratados com CsA diminuíra a níveis baixos comparáveis àquela do 3º dia. Já nos olhos não tratados, o grau de neovascularização somente pôde ser comparado àquele nível básico encontrado no 3º dia aos 60 dias de pós-operatório. A análise histopatológica demonstrou que a deposição de colágeno no tecido implantado se completou no 15º dia. Desta maneira, foi possível concluir que (1) a membrana amniótica em estroma corneano de ratos produz intensa neovascularização até o 15º dia de pós-operatório com posterior regressão, (2) a deposição de colágeno do tecido implantado foi completa ao 15º dia de pós-operatório, e que (3) o uso de CsA esteve associado com aumento inicial da neovascularização corneana, seguido de rápida e intensa regressão.

Keywords : membrana amniótica; ciclosporina; córnea; veterinária; oftalmologia.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License