SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.32 issue8Antimicrobial resistance of Staphylococcus spp. from small ruminant mastitis in BrazilDevelopment and evaluation of a loop-mediated isothermal amplification (LAMP) assay for rapid detection of Actinobacillus pleuropneumoniae based the dsbE-like gene author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Pesquisa Veterinária Brasileira

Print version ISSN 0100-736X

Abstract

SCHENKEL, Diego Montagner et al. Surto de Oestrus ovis em ovinos em Mato Grosso. Pesq. Vet. Bras. [online]. 2012, vol.32, n.8, pp. 754-756. ISSN 0100-736X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0100-736X2012000800013.

Oestrus ovis é um parasito cosmopolita que pode acometer ovinos e caprinos. A fase parasitária inicia-se após as fêmeas adultas depositarem suas larvas nas narinas dos hospedeiros. O objetivo deste trabalho foi de descrever os aspectos clínicos, epidemiológicos, macroscópicos e microscópicos de um surto de oestrose em ovinos no estado de Mato Grosso. Os principais sinais clínicos observados foram espirros e descarga nasal. Macroscopicamente havia hiperemia e edema da mucosa nasal. Os achados microscópicos eram caracterizados por hiperemia e edema moderado a acentuado e difuso, associados a infiltrado leve a moderado predominante de mastócitos e eosinófilos na submucosa. Embora a doença fosse observada em um grande número de animais a mortalidade observada nos surtos ocorreu devido à infestação por Haemonchus contortus e pneumonia.

Keywords : Doenças de ovelhas; Oestrus ovis; miíases; verme da cabeça.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese