SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.30 issue3Sensitivity analysis of Lolium multiflorum biotypes to Glyphosate, ACCase and ALS-inhibiting herbicides author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Planta Daninha

Print version ISSN 0100-8358

Abstract

OSUNA, M.D. et al. Resistência aos inibidores de ACCase em Eleusine indica do Brasil envolve uma mutação na enzima alvo. Planta daninha [online]. 2012, vol.30, n.3, pp. 675-681. ISSN 0100-8358.  http://dx.doi.org/10.1590/S0100-83582012000300025.

Eleusine indica (ELEIN) é uma espécie monocotiledônea, diploide. No Brasil, ela desenvolveu resistência aos inibidores da ACCase durante os últimos dez anos, devido ao uso intensivo e frequente desses graminicidas para controlar plantas daninhas em lavouras de soja. Experimentos de dose-resposta realizados com a planta confirmaram a resistência de um biótipo. Houve elevada tolerância aos herbicidas, com fatores de resistência da ordem de 143 (fenoxaprop), 126 (haloxyfop), 84 (sethoxydim) e 58 (fluazifop). Ensaios com a enzima ACCase in vitro indicaram a insensibilidade desta como a principal causa de suscetibilidade reduzida a esses herbicidas. Fragmentos de PCR gerados do domínio CT da enzima ACCase dos biótipos resistente e sensível de referência foram sequenciados e comparados. Foi detectada uma mutação dentro do tripleto de asparagina na posição do aminoácido 2078 (referente ao acesso número AJ310767 no EMBL), que resultou no tripleto de glicina. Esses resultados constituem o primeiro caso de uma mutação em ACCase em uma espécie daninha gramínea do Brasil.

Keywords : capim-pé-de-galinha; resistência cruzada; enzima; PCR; herbicidas.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English