SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.21 issue2Metabolismo respiratório de raízes de espécies arbóreas tropicais submetidas à inundaçãoPadrões de distribuição geográfica das espécies de Stipa L. (Poaceae-Stipeae) ocorrentes no Brasil author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Brazilian Journal of Botany

On-line version ISSN 1806-9959

Abstract

BARROS, MARILUZA GRANJA e. Sistemas reprodutivos e polinização em espécies simpátricas de Erythroxylum P. Br. (Erythroxylaceae) do Brasil. Rev. bras. Bot. [online]. 1998, vol.21, n.2, pp. 159-166. ISSN 1806-9959.  http://dx.doi.org/10.1590/S0100-84041998000200008.

Foram investigadas a biologia reprodutiva e a polinização de Erythroxylum campestre St. Hil., E. suberosum St. Hil. e E. tortuosum Mart., ocorrentes na Fazenda Água Limpa, Brasília, DF. Estas espécies são simpátricas, comumente encontradas em cerrados abertos e florescem em média quatro meses por ano. As três espécies são distílicas, isto é, apresentam flores com estiletes longos (longistiladas) e flores com estiletes curtos (brevistiladas), ambas com estames em posicionamentos correspondentes. As flores são similares, pequenas, suavemente perfumadas, de cor creme claro, diurnas, produtoras de néctar (concentração média de sacarose de 20,2%) e duram um dia. Os testes de polinização artificial revelaram que E. suberosum e E. tortuosum são auto-incompatíveis e só formaram frutos de polinizações legítimas. Porém, E. campestre é parcialmente auto-compatível. Em todas as espécies a produção de frutos resultantes de polinização natural, foi maior que aquela de polinizações artificiais. Com exceção de E. campestre, os estudos de microscopia de fluorescência revelaram que os tubos polínicos resultantes de auto-polinização em flores longistiladas foram bloqueados no estilete e em flores brevistiladas no estigma. As três espécies foram indistintamente visitadas por 14 espécies de vespas, 14 de abelhas e duas de dípteros. As vespas dos gêneros Brachygastra, Polistes, Polybia e Pepsis foram consideradas polinizadores efetivos devido à eficiência ao contactarem os estigmas. As abelhas Trigona spinipes e Apis mellifera foram consideradas polinizadores ocasionais.

Keywords : Erythroxylum; sympatry; distyly; incompatibility.

        · abstract in English     · text in Portuguese