SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.37 número3Telemedicina: Desenvolvimento de um sistema para atendimento à distância de pacientes com doença renal crônica pré-dialíticaPanorama do tratamento hemodialítico financiado pelo Sistema Único de Saúde - Uma perspectiva econômica índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Brazilian Journal of Nephrology

versão impressa ISSN 0101-2800versão On-line ISSN 2175-8239

Resumo

VAZ, Inaiana Marques Filizola et al. A ingestão energética de pacientes em hemodiálise é subrelatada?. J. Bras. Nefrol. [online]. 2015, vol.37, n.3, pp.359-366. ISSN 0101-2800.  http://dx.doi.org/10.5935/0101-2800.20150056.

Introdução:

O sub-relato da ingestão energética é pouco estudado na população em hemodiálise.

Objetivo:

Avaliar o sub-relato da ingestão energética e os fatores associados em pacientes em hemodiálise.

Métodos:

Estudo transversal, com 344 pacientes adultos estáveis, de dez centros de hemodiálise de Goiânia-GO. A ingestão energética foi avaliada por seis recordatórios de 24 horas e a taxa de metabolismo basal (TMB) foi calculada pela equação de Harris Benedict. Foi considerado como sub-relato quando a razão entre a ingestão energética média e a TMB foi menor que 1,27. Para análise dos fatores associados ao sub-relato, foi utilizada a regressão de Poisson com estimativa robusta da variância.

Resultados:

A prevalência de sub-relato foi de 65,7%, sendo mais expressiva em indivíduos com excesso de peso e nos dias sem diálise. O resultado final da análise multivariada identificou quatro fatores independentemente associados ao sub-relato: sexo feminino (RP = 1,27; IC = 1,10-1,46), índice de massa corporal ≥ 25 kg/m2 (RP = 1,29; IC = 1,12-1,48), três ou menos refeições/dia (RP = 1,31; IC = 1,14-1,51) e tempo de hemodiálise inferior a cinco anos (RP = 1,19; IC = 1,01-1,40).

Conclusão:

A população avaliada demonstrou elevada prevalência de sub-relato da ingestão energética. Pertencer ao sexo feminino, apresentar excesso de peso, fazer um menor número de refeições diárias e ter menos tempo de hemodiálise foram fatores associados ao sub-relato.

Palavras-chave : autorrelato; diálise renal; ingestão de energia; insuficiência renal crônica.

        · resumo em Inglês     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf ) | Inglês ( pdf )