SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.28 issue2Morphology and anatomy of Esenbeckia grandiflora Mart. seeds (Rutaceae)Storage behaviour of forest seeds author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Sementes

Print version ISSN 0101-3122

Abstract

MOTTA, Marcelo Souza; DAVIDE, Antonio Claudio  and  FERREIRA, Robério Anastácio. Longevidade de sementes de mutamba (Guazuma ulmifolia Lam. - Sterculiaceae) no solo em condições naturais. Rev. bras. sementes [online]. 2006, vol.28, n.2, pp. 7-14. ISSN 0101-3122.  http://dx.doi.org/10.1590/S0101-31222006000200002.

O objetivo deste trabalho foi avaliar a longevidade de sementes de mutamba (Guazuma ulmifolia) em diferentes tempos de enterrio e profundidades no solo, em banco de sementes induzido. O delineamento utilizado foi blocos casualizados, em esquema fatorial 3x3, com quatro repetições. Os tratamentos empregados foram três profundidades de semeadura (0, 2 e 4cm) e três épocas de avaliação (3, 4 e 5 meses). Cada repetição consiste em 500 sementes, colocadas em sacos tipo filó (10x10cm) e enterradas em sementeira. Em cada época, foi avaliada a viabilidade das sementes por meio de teste de germinação, obtendo-se o percentual de emissão de raiz; plântulas normais e sementes firmes/duras. Foi avaliado, ainda, o percentual de saída do banco (contado através das perdas). As sementes de mutamba (G. ulmifolia) mantiveram-se viáveis no solo (25% do total das sementes enterradas apresentando 72% de viabilidade), mesmo após cinco meses enterradas. As sementes colocadas na superfície do solo e enterradas a 2cm de profundidade apresentam maior taxa de emergência de plântulas no campo do que as sementes enterradas a 4cm. O percentual médio de perdas é de, aproximadamente, 61%, independente da profundidade de semeadura e do tempo de permanência no solo.

Keywords : viabilidade; banco de sementes introduzido; espécie florestal.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese