SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.32 issue1Pre-harvest desiccation: effects on the physiological quality of soybean seedLight and temperature effects on the seed germination of four Digitaria weed species author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Sementes

Print version ISSN 0101-3122

Abstract

LOPES, Rodrigo Ramos  and  FRANKE, Lúcia Brandão. Teste de condutividade elétrica para avaliação da qualidade fisiológica de sementes de azevém (Lolium multiflorum L.). Rev. bras. sementes [online]. 2010, vol.32, n.1, pp. 123-130. ISSN 0101-3122.  http://dx.doi.org/10.1590/S0101-31222010000100014.

O teste de condutividade elétrica tem potencial para ser empregado no controle de qualidade pelas empresas produtoras de sementes, no entanto há fatores que podem afetar os resultados obtidos. O objetivo do trabalho foi avaliar o efeito do número de sementes, volume de água e o tempo de embebição na condutividade elétrica da solução, para avaliação do vigor em sementes de azevém. O experimento foi conduzido utilizando-se quatro lotes de sementes de azevém. O teste foi realizado à temperatura de 25 ºC, por períodos de 1, 2, 4, 6, 8 e 24 horas de embebição, em 50 e 75 mL de água deionizada, utilizando-se 50 e 100 sementes. Os tratamentos constituíram um fatorial, utilizando-se o delineamento inteiramente casualizado, com quatro repetições. A utilização de quatro subamostras de 50 sementes puras embebidas em 50 mL de água deionizada é promissora para a realização do teste de condutividade elétrica em sementes de azevém a partir de uma hora de embebição das sementes.

Keywords : potencial fisiológico; integridade de membranas; vigor.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese