SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.35 número1Uma interpretação estatística do PIB, da PNAD e do salário mínimoInstitutions, credibility and crisis: the inconsistencies of Argentine exchange rate policy (1991-2006) índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Brazilian Journal of Political Economy

versão impressa ISSN 0101-3157versão On-line ISSN 1809-4538

Resumo

BARROS, ALEXANDRE RANDS. Historical origins of Brazilian relative backwardness. Rev. Econ. Polit. [online]. 2015, vol.35, n.1, pp.75-94. ISSN 0101-3157.  http://dx.doi.org/10.1590/0101-31572015v35n01a05.

Este trabalho baseia-se em alguns dados para identificar o século XIX como o período em que a economia do Brasil mais ficou atrasada em relação a países como os EUA, Canadá, Nova Zelândia, Austrália e alguns países da periferia da Europa. Para identificar a razão desse atraso, usamos um exercício com dados da imigração para fazer a decomposição das fontes de crescimento da proporção entre o PIB americano e o brasileiro. Os resultados indicam que o capital humano importado foi responsável por 59% a 88% deste crescimento total entre 1820 e 1900.

Palavras-chave : Atraso brasileiro; crescimento brasileiro; imigração; desenvolvimento comparativo.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )