SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.36 número2Reflexões sobre o Novo Desenvolvimentismo e o Desenvolvimentismo ClássicoA inércia estrutural da base produtiva brasileira: o IDE e a transferência internacional de tecnologia índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Brazilian Journal of Political Economy

versão impressa ISSN 0101-3157versão On-line ISSN 1809-4538

Resumo

VIANA, ALEXANDRE GUEDES  e  CUNHA, PATRÍCIA HELENA F.. O modelo sueco: uma alternativa para a política macroeconômica. Rev. Econ. Polit. [online]. 2016, vol.36, n.2, pp.266-285. ISSN 1809-4538.  https://doi.org/10.1590/0101-31572016v36n02a02.

O artigo apresenta as principais características do modelo econômico sueco, o qual começou a ser gestado na década de 1930 e se consolidou a partir de meados da década de 1950. O modelo sueco caracteriza-se por uma política macroeconômica que proporciona estabilidade de preços e espaço fiscal para políticas industriais seletivas e políticas sociais ativas, estas últimas reconhecidas como um amplo e universal Estado do Bem-Estar Social. Esta combinação, que contradiz o receituário econômico convencional, se mostrou exitosa, dado que o país era subdesenvolvido e agrário até o início do século XX e alcançou elevado grau de desenvolvimento socioeconômico desde a década de 1970. Em seguida, expomos a experiência sueca como uma alternativa à condução da política macroeconômica, dada a sua singularidade.

Palavras-chave : modelo sueco; estado; política macroeconômica.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )