SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.23 issue59Stories of hygienization through labour: children from Paraná in the XIXth centuryBleeders and physicians: practices and medical education in the first half of the XIXth century author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Cadernos CEDES

Print version ISSN 0101-3262

Abstract

MARTINS, Valter. Policiais e populares: educadores, educandos e a higiene social. Cad. CEDES [online]. 2003, vol.23, n.59, pp. 79-90. ISSN 0101-3262.  http://dx.doi.org/10.1590/S0101-32622003000100006.

O insalubre Largo do Jurumbeval, em Campinas, constituiu durante a segunda metade do século XIX importante espaço de trabalho, diversão e moradia popular. A promíscua aglomeração de pessoas: escravos, libertos, imigrantes e nacionais pobres, inquietava as autoridades que, por meio da ação da polícia, procuravam limitar, controlar e ordenar os movimentos de pessoas vistas como perigosas à sociedade, por seu comportamento considerado imoral e escandaloso. Nessa tentativa de realizar uma higiene social, por vezes, a própria polícia acabava representando um papel ambíguo, ao praticar os mesmos atos que devia reprimir. Resgatar alguns momentos dessa "didática" policial na vida das classes populares constitui o objetivo deste artigo.

Keywords : Educação; Vida urbana; Classes populares; Higiene social.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese