SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.25 issue67Politics, advertisement and history teachingShared representations and social memories: challenges for the processes of teaching and learning history author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Cadernos CEDES

Print version ISSN 0101-3262

Abstract

MONTEIRO, Ana Maria F. C. Entre o estranho e o familiar: o uso de analogias no ensino de história. Cad. CEDES [online]. 2005, vol.25, n.67, pp. 333-347. ISSN 0101-3262.  http://dx.doi.org/10.1590/S0101-32622005000300006.

Este artigo tem por objetivo discutir o uso das analogias no ensino de história, utilizando as contribuições dos autores que operam teoricamente com o conceito de saber escolar, considerando sua especificidade e originalidade. As analogias são freqüentemente utilizadas pelos professores de história como recurso para facilitar a compreensão de conteúdos escolares, uma vez que possibilitam mediações simbólicas e aprendizagens significativas. Revelam-se recurso tentador para superar o estranhamento dos alunos face ao desconhecido que é, através delas, relacionado ao que lhes é familiar. Entre o científico e o senso comum, tornam-se recursos didáticos com grande potencial para a ressignificação de saberes e práticas, sintetizando de forma emblemática uma criação do saber escolar. No entanto, o risco do anacronismo exige cuidado e atenção para evitar que sua utilização se torne fonte de erros ou equívocos

Keywords : Ensino de história; Analogias; Saber escolar; Mediação didática.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese