SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.41 número4Orçamento do esporte no governo Dilma: a primazia dos interesses econômicos e o direito escanteadoA pós-graduação na educação física brasileira: condições e possibilidades das subáreas sociocultural e pedagógica índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Ciências do Esporte

versão impressa ISSN 0101-3289versão On-line ISSN 2179-3255

Resumo

FERREIRA, Fabrícia Geralda  e  MARINS, João Carlos Bouzas. O nível de condicionamento físico interfere nas respostas psicofisiológicas?. Rev. Bras. Ciênc. Esporte [online]. 2019, vol.41, n.4, pp.350-358.  Epub 13-Dez-2019. ISSN 0101-3289.  https://doi.org/10.1016/j.rbce.2018.05.007.

Objetivou-se avaliar se o nível de condicionamento físico interfere na resposta psicofisiológica durante a corrida. Quinze atletas (25, 3 ± 2, 4 anos) corredores de fundo (G1) e 15 indivíduos ativos (23, 1 ± 4, 3 anos) não atletas (G2) fizeram uma sessão de corrida de 80 min com intensidade controlada entre 75 e 85% da frequência cardíaca de reserva. A cada 10 min os avaliados responderam a escalas de percepção subjetiva de esforço (PSE), sensação térmica (ST), conforto térmico (CT), sensação de sede (SS), náusea (SN) e plenitude gástrica (PG). Houve diferença significativa (p = 0,020) entre G1 vs. G2 na PSE a partir dos 40 min e no CT após 50 min (p < 0,001). Conclui-se que o nível de condicionamento físico interfere somente na PSE e no CT durante o exercício de corrida.

Palavras-chave : Exercício físico; Aptidão física; Esforço físico; Corrida.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português     · Português ( pdf )