SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.40 número4Símbolo e signo: o dinheiro no capitalismo contemporâneo índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Estudos Econômicos (São Paulo)

versão impressa ISSN 0101-4161

Resumo

SALVATO, Marcio Antonio; FERREIRA, Pedro Cavalcanti Gomes  e  DUARTE, Angelo José Mont'Alverne. O impacto da escolaridade sobre a distribuição de renda. Estud. Econ. [online]. 2010, vol.40, n.4, pp.753-791. ISSN 0101-4161.  http://dx.doi.org/10.1590/S0101-41612010000400001.

Este trabalho investiga o impacto da escolaridade sobre a distribuição de renda do trabalho de Estados/ regiões do Brasil, usando um método semiparamétrico, seguindo DiNardo, Fortin e Lemieux (1996) e informações da PNAD de 1999. Foram construídas densidades contrafactuais, reponderando a distribuição da região/Estado mais pobre (Nordeste/Ceará) pelo perfil de escolaridade da mais rica (Sudeste/São Paulo). Resultados: entre 12% e 36% do diferencial de renda é explicado pelo diferencial de escolaridade; a reponderação pela escolaridade aumentou em cerca de 55% a renda média nos contrafactuais; a renda do contrafactual do Nordeste equivale a 93% da renda média brasileira; quanto mais elevado for o percentil de renda considerado, maior é a contribuição da diferença de escolaridade para a diferença de renda; a dispersão de renda das regiões mais pobres aumenta quando fornecemos a elas o nível de escolaridade das regiões mais ricas, mantendo-se o perfil salarial da região.

Palavras-chave : distribuição de renda; educação; método semiparamétrico.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons