SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.25 número3Permanência e diversidade: valores modernos nos jardins de Burle MarxParque do Flamengo: projetar a cidade, desenhando patrimônio índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Anais do Museu Paulista: História e Cultura Material

versão impressa ISSN 0101-4714versão On-line ISSN 1982-0267

Resumo

CURI, FERNANDA ARAUJO. Burle Marx e o Parque Ibirapuera: quatro décadas de descompasso (1953 - 1993). An. mus. paul. [online]. 2017, vol.25, n.3, pp.103-138. ISSN 0101-4714.  http://dx.doi.org/10.1590/1982-02672017v25n0304.

Uma das grandes imprecisões que atravessam as seis décadas de história do Parque Ibirapuera é que seu projeto paisagístico teve a autoria de Roberto Burle Marx, o principal nome do paisagismo brasileiro. Este artigo busca reconstruir os processos de aproximação e desaproximação do paisagista com o parque e suas propostas de intervenção nos anos 1950, 1970 e 1990. Visa, ainda, retraçar as razões pelas quais tais projetos encontraram resistência à sua realização, pois apenas o último gerou resultados práticos e, ainda assim, parciais, o que torna o equívoco de atribuição, ainda corrente, um mito que neutraliza um processo histórico bastante tumultuado.

Palavras-chave : Burle Marx; Parque Ibirapuera; São Paulo; Paisagismo brasileiro; Oscar Niemeyer.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )