SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.39 número1Qualidade de vida e consumo de alcoólicos em hepatopatas do sexo masculinoFidedignidade e validade de construto do Teste de Aprendizagem Auditivo-Verbal de Rey em idosos brasileiros índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Archives of Clinical Psychiatry (São Paulo)

versão impressa ISSN 0101-6083

Resumo

MARTINI, Larissa Campagna; ATTUX, Cecília; BRESSAN, Rodrigo Affonseca  e  MARI, Jair de Jesus. Adaptação cultural, validade e confiabilidade da versão brasileira do Inventário de Habilidades de Vida Independente: versão do paciente (ILSS-BR/P), na esquizofrenia. Rev. psiquiatr. clín. [online]. 2012, vol.39, n.1, pp.12-18. ISSN 0101-6083.  http://dx.doi.org/10.1590/S0101-60832012000100003.

CONTEXTO: Existe uma forte associação entre um bom funcionamento psicossocial e a habilidade de realizar tarefas diárias em pacientes com esquizofrenia. Instrumentos válidos tornam-se cada vez mais necessários para avaliar o desempenho desses pacientes nas atividades de vida independente. OBJETIVO: Avaliar as propriedades psicométricas do Inventário de Habilidades de Vida Independente - versão do paciente (ILSS-BR/P) em portadores de esquizofrenia. MÉTODOS: Confiabilidade foi avaliada pelo teste-reteste, entre observadores e consistência interna. Além disso, a validade de construto, discriminante e concorrente, foi avaliada. RESULTADOS: Cinquenta pacientes foram incluídos no estudo entre observadores, com 64,4% de concordância entre as respostas e uma variação de 0,80-0,99 do Coeficiente de Correlação Intraclasses (ICC). Quarenta e seis pacientes participaram do teste-reteste, e o ICC variou de 0,84-0,94, com 44,3% de concordância. A consistência interna apresentou bom resultado (0,23-0,98). Cento e sessenta pacientes participaram da validação. Na validade discriminante, as mulheres apresentaram desempenho superior no escore global e em cinco subescalas quando comparadas aos homens. A validade concorrente confirmou a especificidade das dimensões da escala, comparando a ILSS com a PANSS, Calgary, CGI, GAF, WHOQOL e Autoestima de Rosemberg. CONCLUSÃO: A ILSS-BR/P é um instrumento de pesquisa válido e confiável para avaliar o funcionamento social desses pacientes.

Palavras-chave : ILSS; validade; confiabilidade; esquizofrenia; vida independente.

        · resumo em Inglês     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf epdf ) | Inglês ( pdf epdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons