SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.38 número138CURRÍCULO, RACISMO E O ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA: AS RELAÇÕES ÉTNICO-RACIAIS NA EDUCAÇÃO E NA SOCIEDADEDESIGUALDADES DE RENDA: A ESCOLARIDADE EM QUESTÃO índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Educação & Sociedade

versão impressa ISSN 0101-7330versão On-line ISSN 1678-4626

Resumo

BUFFA, Ester  e  PINTO, Gelson de Almeida. ESCRITÓRIOS TÉCNICOS DAS UNIVERSIDADES BRASILEIRAS. Educ. Soc. [online]. 2017, vol.38, n.138, pp.153-168.  Epub 10-Nov-2016. ISSN 0101-7330.  http://dx.doi.org/10.1590/es0101-73302016158324.

Quando, a partir dos anos 1960, o território das universidades brasileiras passou a ter o câmpus por modelo, foi preciso criar escritórios técnicos responsáveis por sua construção. Neste artigo, pretendemos mostrar a atuação de equipes técnicas no projeto e na construção do câmpus. Trata-se de uma tarefa complexa, que envolve inúmeros profissionais de variada formação, técnicos e acadêmicos, várias instâncias de decisão e de autorização. Escolhemos, como exemplo, o Escritório de Desenvolvimento Físico da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). Utilizamos como fonte, além dos conhecimentos adquiridos em mais de uma década com pesquisas neste tema, uma bibliografia geral e uma específica.

Palavras-chave : Câmpus universitário; Escritórios técnicos; Espaço construído.

        · resumo em Inglês | Francês     · texto em Português     · Português ( pdf epdf )