SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.30 número1On the redistribution of existing inputs using the spherical frontier dea modelThe impact of different demand allocation rules on total stock levels índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Pesquisa Operacional

versão impressa ISSN 0101-7438

Resumo

MORAIS, Danielle Costa; CAVALCANTE, Cristiano A. Virgínio  e  ALMEIDA, Adiel Teixeira de. Priorização de áreas de controle de perdas em redes de distribuição de água. Pesqui. Oper. [online]. 2010, vol.30, n.1, pp. 15-32. ISSN 0101-7438.  http://dx.doi.org/10.1590/S0101-74382010000100002.

Os sistemas de abastecimento de água, por sua complexidade e características próprias, embutem um determinado grau de perda da produção. Aliada a isso, uma infraestrutura antiga, comum aos sistemas de abastecimento de água brasileiros, propicia um processo acelerado de deterioração, o que tem como consequência maiores problemas de manutenção, elevando os índices de perdas de água especialmente por conta dos efeitos resultantes do descuido nas atividades de conservação. Em consequência, as companhias de saneamento estão convivendo com altos índices de perdas de água e de receita por falta de um gerenciamento adequado. Dentro desse cenário, os gerentes desse setor necessitam de uma nova postura frente ao processo de tomada de decisão, no que diz respeito à ação a ser desenvolvida, para uma melhor eficiência no controle operacional do sistema, a fim de reduzirem as perdas. O objetivo do presente trabalho é apresentar um modelo multicritério, baseado no método PROMETHEE I, para apoiar o gestor na priorização das áreas críticas de perdas de uma cidade, visando alocar investimentos de tempo e de recursos para sistemas de abastecimento de água de uma maneira mais eficiente, focando os seus esforços nas regiões mais críticas.

Palavras-chave : multicritério; priorização; perdas de água.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · pdf em Português