SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.27 issue2Assessment of burnout levels in a sample of police officersThe role of glucocorticoids in the modulation of mood symptoms: a review author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista de Psiquiatria do Rio Grande do Sul

Print version ISSN 0101-8108

Abstract

MOTTA, Maria da Graça; LUCION, Aldo Bolten  and  MANFRO, Gisele Gus. Efeitos da depressão materna no desenvolvimento neurobiológico e psicológico da criança. Rev. psiquiatr. Rio Gd. Sul [online]. 2005, vol.27, n.2, pp.165-176. ISSN 0101-8108.  https://doi.org/10.1590/S0101-81082005000200007.

Vários estudos recentes têm demonstrado a repercussão da privação materna no desenvolvimento neurobiológico e psicológico da criança. A depressão pós-parto, quando persistente, pode favorecer a ocorrência de situações de negligência e abuso infantil. Este trabalho tem como objetivo revisar estudos publicados a partir de 1988 que demonstrem alterações no desenvolvimento neurológico, endócrino, mental e comportamental de crianças cujas mães tiveram depressão pós-parto. A importância do meio ambiente inicial foi revisada em estudos pré-clínicos com mamíferos não-humanos, demonstrando que, quando há privação ou estresse no início do desenvolvimento, ocorrem alterações persistentes em estruturas encefálicas, em secreções neuro-hormonais e na densidade de receptores específicos. Também serão descritos alguns aportes teóricos sobre a importância da relação mãe-bebê concordantes com os achados experimentais.

Keywords : Depressão pós-parto; depressão materna; bebê; criança; eixo hipotálamo-pituitária-adrenal; privação materna; cortisol.

        · abstract in English | Spanish     · text in English | Portuguese     · English ( pdf ) | Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License