SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.31 issue3Do psychiatry residents document outpatients' alcohol problems? author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista de Psiquiatria do Rio Grande do Sul

Print version ISSN 0101-8108

Abstract

LAUS, Maria Fernanda; MOREIRA, Rita de Cássia Margarido  and  COSTA, Telma Maria Braga. Diferenças na percepção da imagem corporal, no comportamento alimentar e no estado nutricional de universitárias das áreas de saúde e humanas. Rev. psiquiatr. Rio Gd. Sul [online]. 2009, vol.31, n.3, pp. 192-196. ISSN 0101-8108.  http://dx.doi.org/10.1590/S0101-81082009000300009.

INTRODUÇÃO: A literatura refere uma maior prevalência de transtornos alimentares em acadêmicas de cursos universitários nos quais a aparência física é importante, entre eles Educação Física e Nutrição. Supõe-se que pessoas preocupadas com seu peso e imagem corporal optem por essas áreas por terem um interesse pessoal pelo tema. O objetivo deste estudo foi avaliar a percepção da imagem corporal, o comportamento alimentar e o estado nutricional de estudantes de cursos das áreas da saúde e humanas para comparação entre estas. MÉTODO: Aplicou-se o Eating Attitudes Test (EAT-26) e o Body Shape Questionnaire (BSQ) em 127 alunas do primeiro ano dos cursos de Nutrição e Educação Física (Saúde) e de Publicidade e Propaganda e Administração de Empresas (Humanas) que forneceram dados de peso e altura para cálculo do índice de massa corporal. RESULTADOS: Encontrou-se uma grande prevalência de distorção da imagem em todos os grupos, sem diferença entre as áreas ou entre os cursos. O EAT-26 indicou maiores escores nas estudantes da saúde em relação às de humanas, com alunas de Nutrição apresentando as maiores pontuações, estatisticamente diferentes das encontradas nos cursos de Publicidade e Administração, mas não de Educação Física. Além disso, a maioria das alunas foi classificada como eutrófica, e não se encontraram mulheres com obesidade em nenhum dos cursos, não havendo diferença significativa entre áreas ou cursos para esta variável. DISCUSSÃO: A alta incidência de distorção da imagem corporal associada à grande prevalência de comportamento alimentar inadequado nas alunas da área da saúde demonstra uma possível susceptibilidade ao desenvolvimento de transtornos alimentares.

Keywords : Imagem corporal; comportamento alimentar; estado nutricional; estudantes; transtornos da alimentação.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in Portuguese