SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.24 número1Cymothoa spinipalpa sp. nov. (Isopoda, Cymothoidae) um parasito da cavidade bucal do peixe marinho, Oligoplites saurus (Bloch & Schneider) (Osteichthyes, Carangidae) do Estado do Rio Grande do Norte, BrasilNovos registros de peixes exóticos para o Estado de Minas Gerais, Brasil índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Revista Brasileira de Zoologia

versão impressa ISSN 0101-8175

Resumo

GRACIOLLI, Gustavo  e  BIANCONI, Gledson V.. Moscas ectoparasitas (Diptera, Streblidae e Nycteribiidae) em morcegos (Mammalia, Chiroptera) em área de Floresta com Araucária no Estado do Paraná, sul do Brasil. Rev. Bras. Zool. [online]. 2007, vol.24, n.1, pp. 246-249. ISSN 0101-8175.  http://dx.doi.org/10.1590/S0101-81752007000100033.

Informações sobre estreblídeos e nicteribiídeos e seus hospedeiros são escassas na Floresta com Araucária (FA), não havendo dados sobre a riqueza, o padrão de distribuição e a abundância desses ectoparasitos sobre uma determinada comunidade de morcegos. O presente estudo foi desenvolvido em fragmentos de FA (aproximadamente 470 ha) localizados no município de Fazenda Rio Grande, Paraná, no período de dezembro de 2001 a maio de 2003. Foram registrados 12 indivíduos pertencentes a três espécies de Nycteribiidae e 119 de seis espécies de Streblidae sobre 127 hospedeiros examinados (quatro espécies de Phyllostomidae e sete de Vespertilionidae). Cinco das seis espécies de estreblídeos foram encontradas apenas sobre Sturnira lilium (E. Geoffroy, 1810) e Artibeus lituratus (Olfers, 1818). Em 62 indivíduos de S. lilium foram coletadas: Megistopoda proxima (Séguy, 1926) com prevalência de 65,4% e intensidade média de infestação de 2,00; Aspidoptera falcata Wenzel, 1976 com 13,5% e 2,29; Trichobius phyllostomae Kessel, 1925 com 7,7% e 1,00; e Metelasmus wenzeli Graciolli & Dick, 2004 com 1,6% e 4,00. Não foi encontrada diferença na prevalência (p = 0,544) e na intensidade média (p = 0,361) em relação ao sexo de S. lilium. Em 26 A. lituratus, foi encontrada apenas Paratrichobius longicrus (Miranda-Ribeiro, 1907) com prevalência de 32% e intensidade média de 1,50.

Palavras-chave : Ectoparasito; Phyllostomidae; prevalência.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · pdf em Português