SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.24 issue3Diet and habitat use of swamp racer snake, Mastigodryas bifossatus Raddi (Serpentes, Colubridae) in subtropical domains of BrazilAntarctic sponges (Porifera, Demospongiae) of the South Shetland Islands and vicinity: part II. Poecilosclerida author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Zoologia

Print version ISSN 0101-8175

Abstract

PASCOTTO, Márcia C.. Rapanea ferruginea (Ruiz & Pav.) Mez. (Myrsinacea) como uma importante fonte alimentar para as aves em uma mata de galeria no interior do Estado de São Paulo. Rev. Bras. Zool. [online]. 2007, vol.24, n.3, pp. 735-741. ISSN 0101-8175.  http://dx.doi.org/10.1590/S0101-81752007000300026.

Espécie típica de ambientes úmidos, Rapanea ferruginea produz diásporos globosos contendo uma única semente, envolta por um delgado pericarpo negro-arroxeado. Os comportamentos alimentares e a contribuição das aves na dispersão de sementes de R. ferruginea foram investigados em uma área de borda de mata de galeria, no município de São Manuel (22°43’S, 48°34’W), estado de São Paulo, sudeste do Brasil. Em 38 horas e 40 minutos de observações realizadas entre 20 de outubro e 12 de novembro de 2005, foram consumidos 11618 frutos por 31 espécies de aves, sendo a alta taxa de remoção de diásporos provavelmente devido à superabundância de frutos e à exposição dos mesmos na planta. Das 31 espécies registradas, 25 foram consideradas como potenciais dispersores por engolirem o diásporo inteiro e por realizarem visitas freqüentes e de curta duração. Turdus amaurochalinus Cabanis, 1851 foi a espécie que mais se alimentou em R. ferruginea, seguida por Dryocopus lineatus (Linnaeus, 1766) e Turdus leucomelas Vieillot, 1818, responsáveis por 43% do total de frutos consumidos, sendo ainda a primeira a espécie mais freqüente. A técnica de captura de frutos mais empregada foi "picking", enquanto "hanging" foi a menos utilizada, mas predominante em Vireo olivaceus(Vieillot, 1817) e D.lineatus. Foram registrados poucos encontros agonísticos, sendo Mimus saturninus Hellmayr, 1903 a espécie responsável pelo maior número de encontros interespecíficos, enquanto que as interações intraespecíficas foram lideradas por T. amaurochalinus e por T. leucomelas.

Keywords : Comportamento alimentar; dispersão de sementes; frugivoria.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese