SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.28 issue2Diplomats, journalists, spies and publicists: the Mexican-Bolshevik campaign in Latin AmericaAbundance of currency and financial crisis in Rome: legal and economic issues around interest rates at the time of Augustus and Tiberius author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

História (São Paulo)

On-line version ISSN 1980-4369

Abstract

BARREIROS, Daniel de Pinho. Atuação da delegação brasileira na formulação do Acordo Internacional de Bretton Woods (1942-1944). História [online]. 2009, vol.28, n.2, pp. 515-570. ISSN 1980-4369.  http://dx.doi.org/10.1590/S0101-90742009000200018.

O presente artigo tem por objetivo investigar pensamento e ação dos delegados brasileiros na Conferência Monetária e Financeira das Nações Unidas, realizada em Bretton Woods, em julho de 1944, com destaque para a atuação de Octavio Gouvea de Bulhões, de Eugênio Gudin, e do Ministro Souza Costa. Analisa-se a visão brasileira acerca da nova ordem financeira internacional em construção, e suas estratégias pragmáticas de alinhamento com os interesses em choque durante a Conferência, particularmente organizados segundo as propostas do Plano White (norte-americano) e do Plano Keynes (britânico). Conclui-se que, apesar de incapaz de impedir a aprovação quase que integral do Plano White, a delegação brasileira foi capaz de garantir espaço para o Brasil na gestão no aparato econômico institucional criado em Bretton Woods.

Keywords : Bretton Woods; Eugenio Gudin; Octavio Bulhões; Souza Costa; Economia internacional.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese