SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.30 issue3Epidemiologic profile and morbimortality of patients undergoing to intestinal transit reconstruction: experience of a secundary health service in Brazil northeastComplications of sedation and colonoscopy performance author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Coloproctologia

Print version ISSN 0101-9880

Abstract

STECKERT, Juliana Stradiotto et al. Análise das complicações tardias em operações anorretais: experiência de um serviço de referência em coloproctologia. Rev bras. colo-proctol. [online]. 2010, vol.30, n.3, pp. 305-317. ISSN 0101-9880.  http://dx.doi.org/10.1590/S0101-98802010000300006.

INTRODUÇÃO: as operações anorretais correspondem a 80% do movimento do coloproctologista. O índice de complicações tardias após estas operações é indefinido, e varia de acordo com o tipo de operação e serviço onde estas são realizadas. OBJETIVO: estabelecer a taxa de complicações tardias decorrentes das operações anorretais e fatores de risco que pudessem estar associados a estas complicações. MÉTODO: estudo retrospectivo (série de casos) dos pacientes submetidos a operações anorretais entre janeiro de 2007 e julho de 2009. Variáveis estudadas: sexo, idade, operação, sistema de saúde, técnica de anestesia, complicações tardias, além da taxa de reoperações realizadas. RESULTADOS: foram avaliados 430 pacientes (234 mulheres - 54,4%), submetidos a 453 operações anorretais. A hemorroidectomia foi o mais freqüente procedimento realizado: 50,3% das operações. Encontrou-se 102 complicações tardias pós-operatórias, representando 22,52% dos casos. A fissura anal residual foi a complicação mais freqüente (54%/ n=55). Somente 38 pacientes necessitaram de reintervenção cirúrgica (8,83%). Não houve diferença significativa em relação ao sexo, idade, sistema de saúde e ao tipo de operação realizada com as complicações encontradas. CONCLUSÕES: a taxa de complicações tardias foi de 22,52%, com reintervenções cirúrgicas em 8,83% dos pacientes. Não houve fator de risco para complicações identificado nesta série de casos.

Keywords : Complicações pós-operatórias; hemorróidas; fístula retal; fissura anal; condiloma acuminado.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese