SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.28 issue55Centripetal and centrifugal forces in the creation of the monarchic state in Brazil: the role of the General Council of the Province of São PauloThe governament of João Goulart: new historigraphical tendencies author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de História

On-line version ISSN 1806-9347

Abstract

CABRAL, Diogo de Carvalho. Floresta, política e trabalho: a exploração das madeiras-de-lei no Recôncavo da Guanabara (1760-1820). Rev. Bras. Hist. [online]. 2008, vol.28, n.55, pp. 217-241. ISSN 1806-9347.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-01882008000100011.

O artigo procura contribuir para o adensamento da historiografia acerca das operações de extração das madeiras-de-lei, espécies de árvores particularmente propícias à construção naval e por isso legalmente reservadas à apropriação preferencial por parte da Coroa portuguesa no território colonial. O recorte espaço-temporal abarca os sertões do Recôncavo da Guanabara (Capitania do Rio de Janeiro) e, em particular, a bacia do rio Macacu no final do período colonial. Usa-se documentação variada (crônicas oficiais, descrições de viajantes, correspondência, lista nominativa de habitantes e inventário post-mortem) com o objetivo de mostrar que as relações socioeconômicas dos atores envolvidos (funcionários reais, proprietários fundiários, fabricantes, serradores etc.) entre si e com a floresta eram ditadas por negociações cotidianas que viabilizavam a 'letra fria' das leis metropolitanas.

Keywords : exploração madeireira; indústria de construção naval; Rio de Janeiro colonial tardio.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese