SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.35 número69Os ativos intelectuais católicos no Brasil dos anos 1930"Vivemos identificados com a civilização, dentro da civilização": autoimagens urbanas nos sertões da Bahia índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de História

versão impressa ISSN 0102-0188versão On-line ISSN 1806-9347

Resumo

PEREIRA, Marco Antônio Machado Lima. A revista A Ordem e o "flagelo comunista": na fronteira entre as esferas política, intelectual e religiosa. Rev. Bras. Hist. [online]. 2015, vol.35, n.69, pp.279-300. ISSN 1806-9347.  https://doi.org/10.1590/1806-93472015v35n69013.

Nos anos 1920, durante o período da neocristandade, surgiu uma das mais influentes gerações de líderes leigos católicos na história da América Latina, reunidos em torno do Centro Dom Vital. O principal núcleo de irradiação das ideias do grupo católico foi a revista (de periodicidade mensal) A Ordem, lançada em 1921. A proposta deste artigo é apresentar os elementos centrais utilizados pelas elites leigas para solapar o projeto comunista, tais como: a noção de propriedade privada, a questão da organização da sociedade e a comparação entre comunismo e crenças religiosas. Entende-se aqui o conceito de "intelectuais" num sentido amplo, referindo-se mais especificamente ao papel desempenhado pelas camadas eclesiásticas na luta por supremacia no campo político, intelectual e mesmo "religioso".

Palavras-chave : catolicismo; comunismo; "visões de mundo".

        · resumo em Inglês     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf ) | Inglês ( pdf )