SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.29 issue4Reaction of faba bean genotypes to Rhizoctonia solani and resistance stabilityUse of growth regulators on detached shoots of seed potatoes author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Horticultura Brasileira

Print version ISSN 0102-0536

Abstract

SOUZA, Rovilson José de et al. Absorção de nutrientes em alho vernalizado proveniente de cultura de meristemas cultivado sob doses de nitrogênio. Hortic. Bras. [online]. 2011, vol.29, n.4, pp. 498-503. ISSN 0102-0536.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-05362011000400009.

Nos últimos anos, verificou-se significativa elevação na produtividade e qualidade do alho cultivado no Brasil. Dentre os fatores que proporcionaram este resultado pode-se citar o uso de cultivares nobres, da vernalização e da utilização de alho-semente livres de vírus. Entretanto, poucos são os estudos realizados visando avaliar o crescimento e a absorção de nutrientes em cultivares de alho nobre vernalizadas, provenientes de cultura de meristemas, altamente produtivas em relação às cultivares de alho comum. O objetivo deste trabalho foi determinar a marcha de absorção de nutrientes em alho vernalizado proveniente de cultura de meristemas em função de diferentes doses de N aplicadas em cobertura. Os tratamentos consistiram de cinco doses de N aplicadas em adubação de cobertura (60, 90, 120, 150 e 180 kg ha-1) e seis épocas de avaliação (30, 50, 70, 90, 110 e 130 dias após o plantio). Adotou-se o delineamento experimental de blocos casualizados, com parcelas subdivididas no tempo, com quatro repetições. Os bulbos-semente da cultivar Roxo Pérola de Caçador provenientes de cultura de meristemas (4ª multiplicação em campo) foram submetidos à vernalização por 50 dias a 4ºC. Foram coletados dados de crescimento e desenvolvimento de plantas aos 30, 50, 70, 90, 110 e 130 dias após o plantio. Além disso, foram coletadas plantas para a determinação da massa seca e quantificação dos nutrientes. Não verificou-se diferenças significativas no crescimento, no acúmulo de massa seca e no desenvolvimento de bulbos para as doses de N aplicadas. A extração de macronutrientes em todas as doses de N avaliadas obedeceu a seguinte sequência: N>K>Ca>S>P>Mg, enquanto que a sequência de extração de micronutrientes observada foi Fe>B>Zn>Cu>Mn. Diante dos resultados obtidos, constatou-se a seguinte extração média de nutrientes por plantas de alho vernalizado (kg/ha): N= 179,25, P= 19,95, K= 103,54, Ca= 46,84, Mg= 6,98, S= 31,73; e, em g/ha: B= 156,42, Cu= 90,10, Fe= 654,78, Mn= 76,67, Zn= 138,66.

Keywords : Allium sativum; nutrição mineral; cultura de tecidos; frigorificação.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese