SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.30 issue3Nitrogen and molybdenum rates on the yield and macronutrients content in crisphead lettuceHarvest time and plant age on the content and chemical composition of the essential oil of Alpinia zerumbet author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Horticultura Brasileira

Print version ISSN 0102-0536

Abstract

SILVA, Josué B  and  VIEIRA, Roberval D. Deterioração controlada para avaliar o potencial fisiológico de sementes de beterraba. Hortic. Bras. [online]. 2012, vol.30, n.3, pp. 379-384. ISSN 0102-0536.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-05362012000300004.

Sementes de hortaliças quase sempre apresentam elevado valor comercial, motivo pelo qual devem ter o potencial fisiológico eficientemente avaliado. O teste de deterioração controlada é um dos recomendados para avaliação do vigor de sementes pequenas, como as de beterraba. O objetivo do trabalho foi determinar o melhor procedimento para a condução de referido teste em sementes de beterraba e sua relação com a emergência de plântulas em campo. Foram utilizados sete lotes de sementes da cultivar Top Tall Early Wonder, adquiridos no comércio. Após lavagem em água corrente, as sementes foram submetidas aos testes de germinação, velocidade de germinação, envelhecimento acelerado, emergência de plântulas em campo, velocidade de emergência e deterioração controlada (temperaturas de 41 e 45ºC, teores de água de 22, 24 e 26% e períodos de exposição de 12, 24 e 36 horas). As combinações 41ºC/24%/12 h, 41ºC/24%/36 h, 41ºC/26%/36 h e 45ºC/24%/24 h apresentaram potencial para uso na avaliação do vigor de sementes de beterraba. No entanto, sob as combinações de 41°C/24%/12 h ou 45°C/24%/24 h reduziu-se o tempo de condução do teste.

Keywords : Beta vulgaris; germinação; teor de água.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese