SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.31 número4Fontes de potássio na produtividade, nutrição mineral e bromatologia do maxixe do reinoReprodução de Meloidogyne enterolobii em porta-enxertos e híbridos de pepino índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Horticultura Brasileira

versão impressa ISSN 0102-0536

Resumo

SILVA, Giovani O da; PEREIRA, Arione da S; SUINAGA, Fábio A  e  PONIJALEKI, Rubens. Qualidade de pele e produtividade da cultivar de batata BRS Clara. Hortic. Bras. [online]. 2013, vol.31, n.4, pp.613-617. ISSN 0102-0536.  https://doi.org/10.1590/S0102-05362013000400017.

O objetivo do presente trabalho foi identificar a melhor época de dessecação das plantas para favorecer a qualidade de pele sem prejuízo do rendimento da cultivar de batata BRS Clara. O experimento foi realizado no campo experimental da Embrapa Produtos e Mercado, Canoinhas-SC. A cultivar Agata foi utilizada como testemunha. Os tratamentos utilizados foram quatro épocas de dessecação para cada cultivar (90, 95, 100 e 105 dias) após o plantio, no cultivo de primavera. O delineamento experimental foi em blocos casualizados com quatro repetições e parcelas com quatro fileiras de 10 plantas. Dez dias após as dessecações, foram colhidas as duas linhas centrais e os tubérculos avaliados para componentes de rendimento, aspereza e tonalidade de cor de pele. Os dados foram submetidos à análise de variância e de regressão polinomial. Verificou-se que, para a cultivar BRS Clara, a dessecação das plantas mais precocemente foi favorável, principalmente em relação à aspereza dos tubérculos. A data máxima para dessecação foi de 100 dias após o plantio, para a obtenção de tubérculos com boa qualidade de pele e sem maior redução do rendimento de tubérculos. Para a cultivar testemunha Agata, que apresentou melhor aparência de tubérculos, porém menor rendimento que 'BRS Clara', o retardamento da dessecação até próximo aos 100 dias do plantio também parece adequado, mas não devido à perda de qualidade da pele, e sim por ter atingido o rendimento máximo.

Palavras-chave : Solanun tuberosum; rendimento de tubérculos; aparência de tubérculos.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons