SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.33 número1Desenvolvimento de cultivares de beterraba sob diferentes tensões da água no soloSeleção de famílias de tomateiro utilizando caracteres relacionados à resistência ao déficit hídrico índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Horticultura Brasileira

versão impressa ISSN 0102-0536

Resumo

SOUZA, Jacimar L; GUIMARAES, Gabriel P  e  FAVARATO, Luiz F. Desenvolvimento de hortaliças e atributos do solo com adubação verde e compostos orgânicos sob níveis de N. Hortic. Bras. [online]. 2015, vol.33, n.1, pp.19-26. ISSN 0102-0536.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-053620150000100004.

Em sistemas de cultivo orgânico, o manejo adequado da adubação orgânica e a ciclagem de nitrogênio são estratégias muito importantes, visando melhorar a fertilidade do solo e aumentar a produtividade. O objetivo deste estudo foi avaliar o impacto de adubos verdes em pré-cultivo, associados a diferentes níveis de nitrogênio em compostos orgânicos, sobre o rendimento de repolho e milho-verde, em sucessão de cultivos no período de 2009 a 2012 e sobre os atributos químicos do solo. O delineamento experimental foi em blocos casualizados, no esquema de parcelas subdivididas, em três repetições. As parcelas foram constituídas por dois tratamentos (presença e ausência de leguminosa) e nas subparcelas foram instalados cinco tratamentos com sistemas de adubação à base de compostos de distintos níveis de nitrogênio: 1) Ausência de adubação (testemunha); 2) Composto com 1,5% de N; 3) Composto com 2% de N; 4) Composto com 2,5% de N e 5) Composto com 3% de N. As adubações verdes, com uso de leguminosas em pré-cultivos, melhoraram o desenvolvimento das culturas do repolho e milho-verde, aumentaram os teores de P e H+Al e reduziram os teores de K, Mg e pH do solo. Os teores de cálcio, soma de bases, capacidade de troca de cátions e matéria orgânica do solo não foram alterados pelas adubações verdes. A adubação com composto orgânico com maiores níveis de N proporcionaram elevações nos teores de P, K, Mg e T de forma linear e da matéria orgânica do solo de forma quadrática. As adubações com compostos orgânicos de maiores níveis de N aumentaram as produtividades comerciais do repolho em até 92,4% e do milho-verde em até 23,1%. A adubação verde, quando associada a compostos com 3% de N, aumentou a produtividade comercial do repolho em 19,2% e a do milho-verde em 4,5%.

Palavras-chave : Brassica oleracea var. capitata; Zea mays; fertilidade do solo; leguminosas..

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )