SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.33 número1Botanical extracts: alternative control for silverleaf whitefly management in tomato Extratos botânicos: controle alternativo para o manejo de mosca-branca em tomateiroSistema Viçosa para o cultivo de tomateiro índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Horticultura Brasileira

versão impressa ISSN 0102-0536

Resumo

SILVA, Camila Q et al. Fenotipagem e seleção de genitores em acessos de pimentas para fins ornamentais. Hortic. Bras. [online]. 2015, vol.33, n.1, pp.66-73. ISSN 0102-0536.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-053620150000100011.

O crescimento do mercado das pimentas para fins ornamentais no Brasil demanda cultivares adaptadas às condições ambientais brasileiras. Este trabalho teve como objetivos caracterizar 22 acessos de Capsicum spp. considerando-se 13 descritores qualitativos e oito quantitativos relacionados ao potencial ornamental; estimar a dissimilaridade entre os acessos, a contribuição relativa dos caracteres avaliados e indicar genitores para cruzamentos em programas de melhoramento para fins ornamentais. O experimento foi conduzido em casa de vegetação, em blocos ao acaso com três repetições e quatro plantas por parcelas. Onze grupos foram formados pelo método UPGMA para as características qualitativas e oito para as quantitativas. Na análise conjunta dos dados observou-se a formação de 10 grupos, com 77% de similaridade aos grupos observados para análise qualitativa. O caráter quantitativo que mais contribuiu para a discriminação entre os acessos foi o comprimento do fruto e o que teve menor contribuição foi a mudança de coloração na maturação dos frutos. Todavia, esse caráter não pode ser descartado numa etapa de seleção de acessos com potencial ornamental, visto que a atratividade da planta encontra-se na variação de cor que seus frutos possuem, conferindo-lhe um grande valor estético. Cinco acessos (UENF 1623, UENF 1626, UENF 1627, UENF 1632 e UENF 1750) com potencial ornamental foram identificados para cultivo em vaso, tendo em comum porte baixo, hábito de crescimento intermediário e prostrado, estádios de maturação variando de três a cinco, florescimento e frutificação precoce. Outros sete acessos (UENF 1615, UENF 1641, UENF 1717, UENF 1738, UENF 1741, UENF 1790 e UENF 1799) foram indicados para cultivo como arbusto em função do porte, da coloração, do tamanho e da forma dos frutos. Indica-se os acessos UENF 1623, UENF 1626, UENF 1627, UENF 1632 e UENF 1750 para serem utilizados como genitores em programas de melhoramento de pimentas ornamentais com base na divergência genética e em suas características agronômicas de interesse.

Palavras-chave : Capsicum spp.; caracterização morfológica; descritores; recursos genéticos; banco de germoplasma..

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )