SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.56 número4Imunidade passiva contra Escherichia coli enterotoxigênica: avaliação sorológica de uma bacterina contendo as fímbrias K99 e F41 no colostro de fêmeas vacinadas e no soro de bezerrosArtrogripose em caprino: relato de caso índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia

versão impressa ISSN 0102-0935

Resumo

ALVES, G.E.S. et al. Efeitos do ozônio nas lesões de reperfusão do jejuno em eqüinos. Arq. Bras. Med. Vet. Zootec. [online]. 2004, vol.56, n.4, pp. 433-437. ISSN 0102-0935.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-09352004000400002.

Investigaram-se os efeitos do ozônio nas lesões de reperfusão intestinais de eqüinos. Induziu-se obstrução vascular (2h) seguida de reperfusão (12h) e os animais receberam os seguintes protocolos: não tratado (n=7, 500ml solução salina 0,9%) e tratado com ozônio (n=6, 50µgkg-1). Amostras intestinais foram examinadas em 0, 1, 2h (obstrução) e 1, 2, 12h (reperfusão). Os seguintes escores histomorfológicos apresentaram-se significativamente atenuados: na região da mucosa - desprendimento epitelial, infiltrado de neutrófilos e hemorragia; na submucosa - infiltrado de neutrófilos e edema. Essas diferenças ocorreram na fase inicial da reperfusão, coincidindo com a geração de radicais livres derivados do oxigênio. Os efeitos conservadores observados podem estar associados à modulação de enzimas antioxidantes, ou à propriedades bioquímicas do ozônio, que interferiram com etapas bioquímicas da reperfusão, representando uma alternativa terapêutica para o tratamento de pacientes acometidos por abdome agudo.

Palavras-chave : eqüino; ozônio; reperfusão; jejuno .

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · pdf em Português