SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.62 número6Dilatação cística do úraco e uroperitônio em touros: relato de cinco casosAlterações morfológicas e apoptose em tecido laminar de equinos após obstrução intestinal e tratamento com hidrocortisona índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia

versão impressa ISSN 0102-0935

Resumo

ALMEIDA, A.J; OLIVEIRA, F.C.R; FLORES, V.M.Q  e  LOPES, C.W.G. Fatores de risco associados à ocorrência de infecção por Cryptosporidium parvum em bezerros. Arq. Bras. Med. Vet. Zootec. [online]. 2010, vol.62, n.6, pp. 1325-1330. ISSN 0102-0935.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-09352010000600005.

Detectaram-se oocistos de Cryptosporidium parvum em fezes de bezerros leiteiros no estado do Rio de Janeiro e analisaram-se os fatores de risco envolvidos na infecção dos animais. Cem bezerros com idades de 0 a 12 meses, provenientes de 13 propriedades rurais, foram amostrados, e suas fezes examinadas pela reação em cadeia da polimerase para a detecção dos oocistos. A espécie zoonótica C. parvum foi detectada em 45% dos animais. As análises estatísticas dos fatores de risco revelaram haver associação entre infecção e animais criados em propriedades tecnificadas, que usam ordenha mecanizada, resfriamento de leite e fazendas que continham reservatórios de água à disposição dos animais (P<0,05)

Palavras-chave : bovino; criptosporidiose; protozoário; fatores de risco.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · pdf em Inglês