SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.63 issue2Effect of female breeder age x egg weight interaction on the performance of meat type quailsBioavailability of organic and inorganic zinc sources in sheep author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia

Print version ISSN 0102-0935

Abstract

VIEITES, F.M. et al. Desempenho de frangos de corte alimentados com altos valores de balanço eletrolítico em região de clima quente. Arq. Bras. Med. Vet. Zootec. [online]. 2011, vol.63, n.2, pp. 441-447. ISSN 0102-0935.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-09352011000200023.

Determinaram-se os melhores valores de balanço eletrolítico (BE) para o desempenho de frangos de corte de um a sete, um a 14, um a 21 e um a 42 dias de idade. Utilizaram-se 720 pintos comerciais, machos, criados em galpão de alvenaria, em boxes cobertos com maravalha, alimentados com dieta basal composta por milho e farelo de soja combinada com valores de BE de 200; 250; 300; 350 e 400mEq/kg. Adotou-se o delineamento inteiramente ao acaso, com seis repetições de 24 aves para cada uma das 30 unidades experimentais. Avaliaram-se o ganho de peso, o consumo da dieta e a conversão alimentar aos sete, 14, 21 e 42 dias de idade. O melhor BE estimado para o ganho de peso aos 21 e 42 dias foi de 270mEq/kg, estimado pelo modelo quadrático de regressão. Para as demais variáveis, não houve diferenças entre os BE. Recomenda-se um valor de BE entre 270 e 300mEq/kG para frangos de corte para as fases inicial e de crescimento em regiões de clima quente.

Keywords : frango de corte; acidose metabólica; IFET-Cuiabá; eletrólito; desempenho.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese