SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.64 issue2Trust and added value on meat with geographic indicationAnnual evolution of raw milk quality processed in a dairy industry of Minas Gerais state, Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia

Print version ISSN 0102-0935

Abstract

SERIDAN, B. et al. Viabilidade de Staphylococcus aureus FRI S-6 e produção de SEB em queijo elaborado com adição de Lactobacillus rhamnosus e Lactococcus lactis. Arq. Bras. Med. Vet. Zootec. [online]. 2012, vol.64, n.2, pp. 465-470. ISSN 0102-0935.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-09352012000200029.

Staphylococcus aureus foi inoculado em queijos produzidos de forma estéril em laboratório, juntamente com Lactobacillus rhamnosus e Lactococcus lactis, isolados de queijo de coalho artesanal e identificados por PCR-ARDRA16S-23S. L. lactis foi capaz de reduzir a contagem de S. aureus no primeiro dia após produção (P<0,05) dos queijos de 3,3x107UFC/g para 1,0x107UFC/g. L. rhamnosus não impediu o crescimento de S. aureus. A presença das cepas acidoláticas, principalmente L. lactis, mostrou ainda potencial de inibição da produção de enterotoxina estafilocócica do tipo B, sendo que a concentração de enterotoxinas no 15° dia foi inferior ao limite de detecção pelo kit comercial utilizado. Concluiu-se que a presença das bactérias acidoláticas estudadas pode contribuir para a melhoria da qualidade sanitária de queijos artesanais.

Keywords : queijo; Staphylococcus aureus; Lactococcus lactis; Lactobacillus rhamnosus; enterotoxinas; qualidade sanitária.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese