SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.64 issue5Spatial scan statistic in the detection of risk areas for bovine cysticercosis in the state of BahiaIntestinal protein digestibility of by-products from biodiesel industry author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia

Print version ISSN 0102-0935

Abstract

SILVA, G.O. et al. Detecção de fatores de virulência em estirpes de Campylobacter spp. isoladas de carcaças de suínos abatidos em frigoríficos. Arq. Bras. Med. Vet. Zootec. [online]. 2012, vol.64, n.5, pp. 1209-1215. ISSN 0102-0935.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-09352012000500019.

Isolaram-se estirpes de Campylobacter spp. em amostras de carcaças (n=65), fezes (n=65) e linfonodos mesentéricos (n=65) de suínos abatidos em frigoríficos do estado de São Paulo e detectaram, pela técnica da Multiplex-PCR, a presença do complexo de genes cdt, responsáveis pela expressão do fator de virulência da toxina CDT. Do total de 195 amostras de origem suína, Campylobacter spp. foi isolado de 31 (15,9%), sendo 29 (93,6%) de amostras de suabe retal, 1/65 (3,2%) de suabe de carcaça e um (3,2%) de linfonodo. Vinte e oito estirpes de C. coli foram positivas para a detecção dos genes cdt, e três estirpes de C. jejuni foram negativas para a detecção desses genes. Foi detectada, pela primeira vez no estado de São Paulo, a presença dos genes cdt em 100% das estirpes de Campylobacter coli provenientes de suínos abatidos em frigoríficos.

Keywords : suíno; Campylobacter coli; abatedouro; toxina citoletal distensiva; CDT.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese