SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.66 issue1Immunohistochemistry analysis to confirm cases of cutaneous pythiosis in horses diagnosed by means of clinic characterization and histopathologic evaluationComparison of maximal lactate steady state with V2, V4, individual anaerobic threshold and lactate minimum speed in horses author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia

Print version ISSN 0102-0935

Abstract

RITTERBUSCH, G.A. et al. Avaliação histopatológica de órgãos reprodutivos e bexiga de fêmeas suínas descartadas. Arq. Bras. Med. Vet. Zootec. [online]. 2014, vol.66, n.1, pp.34-38. ISSN 0102-0935.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-09352014000100006.

Em um sistema intensivo de produção de suínos, as falhas reprodutivas são uma das principais razões de descarte de matrizes e queda nos índices produtivos. A infecção urinária (cistite) e as endometrites são consideradas importantes causas de descarte em fêmeas suínas, por terem consequências reprodutivas relevantes e elevarem a taxa de reposição do plantel. O presente estudo teve o objetivo de avaliar o aparelho reprodutivo e a bexiga de fêmeas suínas de descarte normal de granjas, bem como investigar a existência de relação entre as patologias encontradas. Foram examinadas 79 matrizes suínas oriundas de 20 rebanhos localizados no Estado de Santa Catarina. De cada fêmea foram coletados os ovários, fragmentos de útero e bexiga. Dentre as fêmeas avaliadas, 32 (40,5%) tinham diferentes graduações de cistite, 24 (30,4%) tinham algum tipo de inflamação uterina, e 9 (11,4%) estavam em anestro, com ovários inativos. Contudo, não foi observada dependência significativa entre cistite e endometrite nas amostras analisadas.

Keywords : porca; cistite; endometrite; anestro; descarte.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License