SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.29 número1Variações temporais do material particulado inalável fino e grosso e íons inorgânicos solúveis em São José dos Campos, SPMapping iron-mineralized laterite environments based on textural attributes from MAPSAR image simulation - SAR-R99B (SIVAM/SIPAM) in the Amazon region índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

Compartir


Revista Brasileira de Geofísica

versión impresa ISSN 0102-261X

Resumen

MEDEIROS, Vladimir Cruz de; MEDEIROS, Walter Eugênio de  y  SA, Emanuel Ferraz Jardim de. Utilização de imagens aerogamaespectrométricas, Landsat 7 ETM + e aeromagnéticas no estudo do arcabouço crustal da porção central do domínio da zona transversal, província Borborema, NE do Brasil. Rev. Bras. Geof. [online]. 2011, vol.29, n.1, pp.83-97. ISSN 0102-261X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-261X2011000100006.

Na porção central do Domínio da Zona Transversal (Província Borborema, Nordeste do Brasil), foram desenvolvidos estudos de cartografia geológica em campo e interpretação de produtos aerogamaespectrométricos, aeromagnéticos e imagens de satélite (Landsat 7 ETM+), no intuito de avaliar a importância (em especial, a continuidade em profundidade) de zonas de cisalhamento, candidatas a representarem suturas e limites de terrenos. A análise conjunta desses produtos permitiu ressaltar a existência de três estruturas de maior profundidade, as quais representam limites de blocos crustais, dentre elas as zonas de cisalhamento Serra do Caboclo e Congo-Cruzeiro do Nordeste. Uma anomalia profunda, localizada entre aquelas duas estruturas, pode representar a continuidade de uma delas, horizontalmente deslocada, ou uma terceira zona, não aflorante mas a ela(s) conectada. A interpretação favorecida propõe que este setor da Zona Transversal seria formado por zonas de cisalhamento com direção nordeste-sudoeste, mais profundas (topos das anomalias atingindo 6 a 16 km de profundidade), seccionado por estruturas mais rasas (topos das anomalias atingindo no máximo 2 a 6 km de profundidade), com direção este-oeste. Neste contexto, ressalta a importância e continuidade em profundidade da zona de cisalhamento Serra do Caboclo, inferida como a sutura entre os terrenos Piancó-Alto Brígida e Alto Pajeú, em conformidade com os dados geológicos de campo.

Palabras clave : aerogamaespectrometria; aeromagnetometria; Landsat 7; zona transversal; Província Borborema.

        · resumen en Inglés     · texto en Portugués     · Portugués ( pdf epdf )

 

Creative Commons License Todo el contenido de esta revista, excepto dónde está identificado, está bajo una Licencia Creative Commons