SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.12 suppl.1Maternal and child care in two population-based cohorts from southern Brazil: trends and differencesDevelopmental status at 12 months of age in a cohort of children in southern Brazil: differences according birthweight and family income author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

CESAR, Juraci A. et al. Hospitalizações em menores de um ano pertencentes a duas coortes de base populacional no Sul do Brasil: tendências e diferenciais. Cad. Saúde Pública [online]. 1996, vol.12, suppl.1, pp. S67-S71. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X1996000500010.

Cerca de 11.000 crianças pertencentes a duas coortes de base populacional foram acompanhadas na cidade de Pelotas, Rio Grande do Sul, em 1982 e 1993. O objetivo era medir a ocorrência de hospitalizações e sua associação com peso ao nascer e renda familiar e comparar diferenciais entre estes estudos. Cerca de 20% das crianças foram hospitalizadas pelo menos uma vez no primeiro ano de vida; os meninos foram os mais acometidos; as internações por diarréia, apesar de terem sido reduzidas à metade (3%) em relação a 1983, ocorreram entre os mais pobres; o peso ao nascer mostrou-se inversamente associado às internações por diarréia e por todas as causas. Crianças nascidas com baixo peso ou com renda familiar inferior a três salários mínimos mensais foram cerca de três vezes mais hospitalizadas que as demais. Uma década depois, as hospitalizações continuam bastante freqüentes na localidade estudada; os mais pobres e nascidos de baixo peso são os mais acometidos.

Keywords : Saúde da Criança; Morbidade; Hospitalização; Epidemiologia.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese