SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.21 número1Validação do peso e altura referidos para o diagnóstico do estado nutricional em uma população de adultos no Sul do BrasilAcolhimento como prática interdisciplinar num programa de extensão universitária índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Cadernos de Saúde Pública

versão impressa ISSN 0102-311Xversão On-line ISSN 1678-4464

Resumo

FRANCO, Anamélia Lins e Silva; BASTOS, Ana Cecília de Sousa  e  ALVES, Vânia Sampaio. A relação médico-paciente no Programa Saúde da Família: um estudo em três municípios do Estado da Bahia, Brasil. Cad. Saúde Pública [online]. 2005, vol.21, n.1, pp.246-255. ISSN 0102-311X.  https://doi.org/10.1590/S0102-311X2005000100027.

Estudou-se a relação médico-paciente no Programa Saúde da Família (PSF). Compreendendo que esta sofre influência de fatores macro e microcontextuais, optou-se por uma articulação da abordagem da vigilância da saúde com o modelo ecológico do desenvolvimento humano, compreensões influenciadas pelo contextualismo. As estratégias metodológicas consistiram no censo dos médicos de saúde da familia da Bahia, Brasil; observações de consultas de vinte médicos de três municípios, orientadas por um instrumento. Os resultados indicam diferenças significativas entre a implementação do PSF nos três municípios, repercutindo na relação médico-paciente. Quanto à orientação das práticas, a vigilância da saúde não tem sido incorporada pelos médicos observados. A análise microcontextual apontou que os problemas de saúde freqüentemente não eram tratados de modo contextualizado. Compreende-se que as diretrizes do PSF, quando assumidas pelos municípios, são produtoras de diferenças na assistência observáveis no microcontexto da relação médico-paciente. A abordagem da vigilância da saúde, referida como ferramenta para o trabalho coletivo, mostra-se eficiente para descrever, avaliar e aperfeiçoar o PSF e, neste estudo, conclui-se que esta é uma ferramenta conceitual potencial para implementação da relação médico-paciente.

Palavras-chave : Relações Médico-Paciente; Programa Saúde da Família; Vigilância em Saúde Pública.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons