SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.22 número4Perfil de usuários de drogas injetáveis brasileiros do sexo masculino que têm relação sexual com homensAdvocacy e cobertura de projetos de troca de agulhas: resultados de um estudo comparativo sobre programas de redução de danos no Brasil, Bangladesh, Belarus, Ucrânia, Federação Russa e China índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Cadernos de Saúde Pública

versão impressa ISSN 0102-311Xversão On-line ISSN 1678-4464

Resumo

OLIVEIRA, Maria de Lourdes Aguiar et al. O contexto da primeira injeção de drogas ilícitas, práticas atuais de injeção e infecção pelo vírus da hepatite C no Rio de Janeiro, Brasil. Cad. Saúde Pública [online]. 2006, vol.22, n.4, pp.861-870. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2006000400024.

O trabalho investiga o contexto da primeira injeção de drogas e sua associação com práticas atuais de injeção e infecção pelo HCV (vírus da hepatite C). Usuários de drogas injetáveis (UDI) (N = 606) foram recrutados em cenas de uso (ruas, bares) do Rio de Janeiro, Brasil, entrevistados e testados (anti-HCV). A freqüência de compartilhamento de agulhas e seringas foi superior na primeira injeção (51,3%), se comparada à atualmente referida (36,8%). Usuários que iniciaram o uso injetável compartilhando agulhas/seringas relataram uma freqüência significativamente maior de compartilhamento direto/indireto de agulhas/seringas nos últimos seis meses. A infecção pelo HCV foi quatro vezes mais prevalente entre UDI jovens (< 30 anos) que compartilharam agulhas e seringas na primeira injeção. A prevalência de anti-HCV foi 11% entre UDI ativos (n = 272) e se mostrou independentemente associada à história de prisão e à duração do uso de drogas injetáveis. A prevenção da disseminação do HCV nesta população requer a adoção de medidas de redução de riscos e danos associados à injeção de drogas já desde a primeira injeção ou, antes, um desestímulo à transição do uso não injetável para injetável.

Palavras-chave : Uso Indevido de Drogas Parenterais; Uso Comum de Agulhas e Seringas; Vírus da Hepatite C; Drogas Ilícitas.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons